Tal como o próprio nome indica, o CPF é o Custo por Formulário, ou seja, a ação pretendida ao promover este tipo de programa de afiliados é a inscrição do usuário num determinado formulário. Por norma, os valores pagos por CPF são fixos e os formulários poderão ser simples ou complexos. Ao promover este tipo de programa, se você conseguir com que um usuário acesse a página de aterragem do programa e preencha o formulário disponível, você recebe imediatamente um valor por esse CPF, independentemente se o usuário depois se tornou cliente da empresa, comprou produtos dela ou não.
O custo por ação, tal como a própria ação, é uma métrica que a própria empresa/anunciante decide e passa para o afiliado, neste caso, você. Dependendo do tipo de nicho de mercado, a ação poderá ser um cadastro, um depósito em dinheiro, ou uma outra ação qualquer. Existem campanhas de sites de emprego, por exemplo, que pagam um valor fixo de CPA para que os afiliados (você) promovam a empresa e consigam usuários para se cadastrarem no site e concorrerem a vagas. Isso seria uma ação. Para cada usuário cadastrado no site de empregos e indicado por você, você recebe um valor fixo, chamado de CPA.
Outros exemplos para um modelo de comissão por lead seriam empresas recrutadoras que estão procurando profissionais para preencher uma determinada vaga de emprego, empresas que buscam obter mais pedidos de orçamento, empresas que pretendem gerar mais cadastros na versão Trial do seu software, etc. Em todos esses casos, o afiliado recebe uma comissão fixa por gerar essa lead, independentemente de esse lead virar um cliente ou não.

Construa uma marca. Independentemente de você criar um blog pequeno num nicho específico ou um site grande para divulgação de milhares de ofertas, é importante você construir sua marca. Uma marca forte, consistente e facilmente identificável pelo seu público tem maior tendência para perpetuar no tempo, se comparada com sites criados apenas com o objetivo de gerar cliques. Acrescentar valor ao seu público-alvo fará com que as suas conversões sejam bem melhores.
Para quem trabalha com marketing digital, possivelmente já ouviu falar de marketing de afiliados. No entanto, poucos ainda sabem o que significa marketing de afiliados e o que é possível fazer com isso na prática. Embora esse seja um mercado que cresceu mais de 100% ao ano no Brasil nos últimos cinco anos, continua sendo um mercado pequeno quando comparado com outros nichos, como agências de marketing, produtores de conteúdo, serviços freelancer, etc. Ainda assim, as previsões apontam para que o mercado de afiliados continue se expandindo a um ritmo extremamente acelerado durante os próximos anos. Esses números são fruto de nosso trabalho com o evento Afiliados Brasil.
Construa uma marca. Independentemente de você criar um blog pequeno num nicho específico ou um site grande para divulgação de milhares de ofertas, é importante você construir sua marca. Uma marca forte, consistente e facilmente identificável pelo seu público tem maior tendência para perpetuar no tempo, se comparada com sites criados apenas com o objetivo de gerar cliques. Acrescentar valor ao seu público-alvo fará com que as suas conversões sejam bem melhores.
Além das vantagens óbvias de administrar seu próprio negócio, poder trabalhar on-line de qualquer lugar e a qualquer momento, e ter a liberdade de escolher o quanto você trabalha, há algumas outras vantagens. Afiliados com um forte acompanhamento social (também conhecido como influenciadores) podem esperar receber brindes de anunciantes que buscam aumentar o conhecimento de sua marca. Isso tudo lhe proporcionara uma estrutura e uma renda fantástica e nunca mais terá que fazer pesquisas de “como ganhar dinheiro na internet clicando”.
Você precisa se adaptar rápido. Muitos programas de afiliados têm grandes restrições no tocante à divulgação. Muitos não permitem que você faça publicidade em redes sociais, outros não permitem campanhas de e-mail marketing, etc. As próprias redes de publicidade mudam constantemente as suas regras, o que significa que você terá de se adaptar rapidamente e procurar por novas soluções para continuar gerando resultados.
Resumindo, quando você promove um determinado programa de afiliado, você é recompensando por essa promoção de acordo com o que a empresa/anunciante decidiu previamente: clique, ação, lead, mil impressões, formulário ou venda. Para percebermos mais facilmente como funciona cada um desses formatos de publicidade com programas de afiliados, vamos analisar caso-a-caso e dar-lhe alguns exemplos práticos para uma melhor percepção:
×